Como ter plantas lindas em espaços internos

DIY: Faça você mesmo
1 de maio de 2019 / Comentar

Não tem como negar a influência positiva que plantas fazem sobre as pessoas e os espaços em que vivem. Entretanto, nos tempos atuais, ter um jardim generoso em casa é um sonho que poucos conseguem realizar.

Mas saiba que é possível sim criar plantinhas felizes nos mais diversos cenários – inclusive em apartamentos que não recebem tanta luz ou não tem muito espaço disponível.

Confira nosso post de hoje! Nele respondemos às dúvidas mais comuns sobre plantas em espaços internos e de quebra incluímos algumas sugestões de espécies para apartamentos.

Por onde começar?

Se você quer ter plantinhas em seu apartamento deve seguir algumas regras básicas para que elas sejam saudáveis e realmente deixem a decoração do lar mais incrível.

Se a área escolhida para deixar as plantas não é tão espaçosa, a dica é criar um jardim vertical para um melhor aproveitamento das paredes do cômodo e até para uma decoração mais versátil.

Veja também: Como seu quarto pode mudar completamente sua vida.

Dicas por cômodo:

  • Sacada: Por se tratar de uma área externa muito exposta a correntes de ar, o indicado são plantas para apartamento resistentes ao vento, como jabuticabeira ou pintagueira, que se adaptam bem a vasos, flor-de-coral e pleomele.
  • Banheiro: Boas opções para esse cômodo são as plantas de apartamento rafis. Se houver o mínimo de luminosidade, pode ser um ambiente propício para violetas, pois essa planta gosta de umidade. É preciso apenas se atentar para não deixar nenhuma das plantas para apartamento próxima ao chuveiro, por conta do vapor.
  • Sala: Para um elemento de destaque nesse cômodo da casa, a orquídea é uma das preferidas entre as plantas para apartamento. A orquídea borboleta é uma planta que se adapta a lugares fechados e com ar condicionado, já a orquídea sapatinho gosta de espaços com sombra. Outra escolha para a sala, é o filondendro ou a samambaia, que precisam apenas de luz indireta.
  • Cozinha: Sempre quis ter uma horta em casa, mas acreditava que precisava de mais espaço? Você pode criar um jardim vertical com seus temperos preferidos e tê-los sempre à mão. Vale apenas se atentar às necessidades específicas de cada planta escolhida.

(Imagem: Pixabay)

Veja também: O que você pode fazer com pallets – guia definitivo.

Quais são os cuidados com as plantas de apartamento

Para que suas plantas estejam sempre com uma aparência bonita e bem cuidada é importante que alguns cuidados básicos sejam tomados desde o momento da escolha do vaso até o momento de disposição da flor no cômodo.

  • Vasos

O mais recomendado para o cultivo de plantas para apartamento são os vasos de cerâmica, pois eles evitam o excesso de umidade e permitem que as raízes da planta respire. Não se esqueça de optar por um modelo que seja mais ou menos do mesmo tamanho da planta para apartamento que ali será colocada, garantindo assim o equilíbrio estático da peça.

  • Adubação

As plantas para apartamento devem ser adubadas a cada dois ou três meses, com adubos orgânicos ou químicos. Esse simples tratamento periódico garantirá as plantas para apartamento um ar saudável e um crescimento forte por muito mais tempo.

  • Rega

Quando for regar sempre verifique se a terra ainda esta úmida, colocando seu dedo nela. Vale lembrar também que cada espécie requer uma quantidade exata de água. Os cactos, por exemplo, gostam que a terra esteja mais seca.

  • Luminosidade

Cada espécie de planta precisa receber um tipo de luminosidade diferente, somente com uma boa quantidade de luz ela dará o melhor de si e crescerá forte e saudável. No momento de compra das mudas para plantação informe-se sobre qual a quantidade de luz necessária para cada planta.

Gostou das nossas dicas sobre plantas para apartamento? Continue a acessar nosso blog para mais dicas, curiosidades, DIY, notícias e informações sobre os produtos da Decorlux. Fique atento, sempre temos coisas novas para você!